Cirurgiã Ivelise Brasil é empossada como superintendente do Hospital Geral de Fortaleza

22 de novembro de 2022 - 16:42

Assessoria de Comunicação HGF | Sesa
Texto: Eduarda Talicy
Fotos: Felipe Martins


Nomeação foi publicada no Diário Oficial do Estado no início deste mês

Sob aplausos de centenas de profissionais do Hospital Geral de Fortaleza (HGF), a médica-cirurgiã Ivelise Regina Canito Brasil foi empossada nesta terça-feira (22) como nova superintendente da unidade. O equipamento da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) está sob gestão da Fundação Regional de Saúde (Funsaúde Ceará).

A solenidade ocorreu no auditório do HGF e teve a presença do titular da Sesa, Carlos Hilton Albuquerque Soares; da secretária executiva de Atenção à Saúde e Desenvolvimento Regional (Seade), Tânia Coelho; do diretor-presidente da Funsaúde, Manoel Pedro Guimarães, e do diretor de Atenção à Saúde da Fundação, André Macedo.

“Aceitei o desafio porque acho que temos uma oportunidade de melhorar processos. Por acreditar que é possível promover o diálogo entre equipes, ouvir trabalhadores e usuários, valorizar nossos profissionais, melhorar indicadores, humanizar a assistência, aproximar a gestão administrativo-financeira do cuidado”, afirmou Ivelise Brasil.

Durante discurso, a médica falou sobre os 13 anos de trabalho na unidade e a importância da Enfermagem e da equipe multiprofissional na promoção da saúde. “Agradeço a todos vocês que estão aqui, como um gesto de gentileza, apoio e confiança”.

Quem é Ivelise Brasil

Graduada em Medicina pela Universidade Federal do Ceará (UFC) e doutora em Cirurgia e Anatomia pela Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (FMRP-USP), Ivelise é cirurgiã do serviço de transplante renal do Hospital Universitário Walter Cantídio (HUWC).

É também professora adjunta e coordenadora do Mestrado Profissional em Transplantes da Universidade Estadual do Ceará (Uece), de onde se licencia para assumir o novo cargo. No HGF, a médica trabalha há 13 anos como cirurgiã dos serviços de transplante renal, pancreático e hepático, sendo a responsável técnica deste último.

O secretário Carlos Hilton ressaltou o profissionalismo da médica. “Nos primeiros contatos com Ivelise, eu vi que estava conhecendo uma pessoa essencial para o Sistema Único de Saúde do Ceará. Uma pessoa sincera, segura das palavras e determinada”, disse. E completou: “Temos o prazer e a alegria de tê-la como superintendente do HGF. Queremos estabelecer um cenário de gestão cultural identificada com as realidades dos processos”.

Manoel Pedro destacou o papel estratégico da nova gestora no modelo de assistência em implantação pela Fundação na unidade, apostando num cuidado multiprofissional, com gestão participativa e horizontal. “Ivelise não está aqui como superintendente somente pelo cargo em si, ela está aqui por uma missão eminentemente assistencial: melhorar a assistência do paciente que tem o SUS para ser abraçado”, afirmou o diretor-presidente da Funsaúde.

O médico citou os desafios e o objetivo de referenciar a Emergência do HGF e ressaltou a capacidade técnica de todo o corpo diretivo da unidade. “Seguimos na mesma linha de diretores que o HGF teve nos últimos anos, com a convocação de um corpo diretivo altamente técnico e qualificado para garantir que o HGF siga sendo o maior e o melhor hospital do Ceará”.