Funsaúde realiza reunião de integração com os trabalhadores do Samu 192 Ceará

13 de abril de 2022 - 16:07 # # # #

A integração ocorre após a assinatura do contrato de gestão com a Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa)

 

A Fundação Regional de Saúde do Ceará (Funsaúde) realizou nesta quarta-feira (13) um encontro de integração com os profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192 Ceará). O evento ocorreu na sede do Samu, no Eusébio, e foi acompanhado virtualmente por servidores, terceirizados e cooperados. Na ocasião, foi explicado o que muda com a administração indireta e também foram tiradas as principais dúvidas dos trabalhadores sobre a transição do serviço – que há uma semana passou a ser gerido pela fundação, conforme previsto no contrato assinado com a Secretaria da Saúde do Estado do Ceará.

“Os profissionais do Samu fazem um trabalho primoroso, que já é bastante reconhecido por toda a população cearense, e a Funsaúde vem para trazer mais eficácia, mais eficiência a este trabalho”, explica Manoel Pedro, diretor-presidente da Funsaúde. Ele ressalta a marca recorde do serviço que, em 2021, atendeu 84.683 ocorrências, uma média superior a 7 mil atendimentos por mês.

Para Khalil Feitosa, superintendente do Samu 192 Ceará, o encontro foi importante para trazer transparência ao processo. “Foi um encontro muito importante. Toda novidade causa ansiedade e isso é natural. É intenção nossa de fato ser transparente e trazer tranquilidade ao nosso corpo assistencial”, explica.

Feitosa reforça a responsabilidade do serviço prestado diariamente pelo Samu. O equipamento tem cobertura em 100% dos municípios cearenses desde 2020. São 183 municípios atendidos, exceto a Capital, nas cinco Regiões de Saúde. “Estou muito satisfeito com este encontro e acho que é importante permanecermos o mais próximo possível do nosso corpo assistencial”, afirma.

Também estiveram presentes da reunião, Raquel Rodrigues, assessora da Secretaria Executiva de Atenção à Saúde e Desenvolvimento Regional da Sesa, e Yara Sena, diretora de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas da Funsaúde.

Assinatura do Contrato

Após assinatura do contrato que ocorreu na última semana, tem início o processo de transição das atividades para a gestão da Funsaúde, de forma gradual e responsável, a fim de não comprometer a assistência. Ocorrerá tanto a substituição da força de trabalho terceirizada e cooperada por concursados quanto do modelo de serviço. Os servidores públicos lotados no Samu 192 Ceará e no HGF serão cedidos.

Os novos concursados são contratados como empregados públicos, com todos os direitos garantidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e salários compatíveis com o mercado. Está prevista, também, a entrada de profissionais diaristas em substituição ao antigo modelo, com ênfase em plantonistas.

O concurso Funsaúde abriu vagas com dedicação de 40 horas semanais – médicos que estão diariamente nos hospitais, conhecem os pacientes, tornam-se conhecidos e acompanham de perto o tratamento –, diminuindo a duplicidade de exames e procedimentos e aumentando a resolubilidade. Ou seja, em um só tempo, as mudanças avançam na integralidade do cuidado e na humanização do serviço.